O Gramadozoo recebeu recentemente uma fêmea de anta. Com 18 meses de vida, a antinha veio do zoológico de Sapucaia do Sul para formar par com o macho jovem que vive em Gramado. O animal passou por uma bateria de exames: ultrassonografia, parasitológico de fezes e coleta de sangue. O objetivo da avaliação é analisar as condições de saúde da fêmea. “São exames de rotina que fizemos com todos os animais do nosso plantel. Ela apresentou excelentes condições de saúde”, explica o veterinário Renan Alves Stadler, responsável técnico do Gramadozoo.

O veterinário explica que a avaliação médica foi feita sem o uso de sedativos. “Com técnicas de condicionamento, pudemos fazer a ultrassonografia com ela acordada, o que garante o bem-estar animal. Ao contrário do senso comum, as antas são extremamente inteligentes. Foi o primeiro exame que ela fez aqui no zoo e se portou com naturalidade”, elogia.

Além da avaliação abdominal do aparelho digestivo, o ultrassom realizado pelo veterinário Marcelo Cunha observou a capacidade reprodutiva da jovem fêmea. “Sua condição é normal para reprodução, mas a maturidade sexual ocorre aos 48 meses. É uma espécie ameaçada de extinção”, pondera Stadler.

Conforme Stadler, a fêmea e o macho permanecem separados até a adaptação territorial do casal. “Em breve, eles estarão juntos no recinto”, antecipa.

Foto: Divulgação Gramadozoo/Halder Ramos