Os especialistas contratados para análises urbanística e jurídica do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI) de Gramado apresentaram a segunda etapa dos trabalhos nesta sexta-feira, dia 1º, na Câmara de Vereadores. Além dos parlamentares, estiveram presentes o promotor de Justiça de Gramado, Max Guazelli, e o secretário municipal de Planejamento, Rafael Bazan. Ambos receberam os relatórios nesta semana das mãos do presidente da Casa, Renan Sartori (MDB).
A advogada Vanesca Buzelato Prestes, que realiza a revisão jurídica urbanística do projeto, apresentou relatórios das reuniões que vêm sendo realizadas junto à Comissão do Plano Diretor e fez uma breve explicação dos artigos propostos para serem analisados. Também abordou explicações jurídicas sobre a regularização fundiária do município.
Já o arquiteto e urbanista Miguel del Rio explanou sobre as análises preliminares feitas pela equipe da Fundação Luiz Englert (FLE), entidade de apoio da UFRGS que foi contratada pela Câmara para a análise técnica urbanística do Plano. Ele apresentou a segunda etapa dos trabalhos e mostrou simulações da ocupação existente e da proposta. O advogado da FLE, Marcelo Gregório de Sá Verlindo, também participou da reunião e esclareceu dúvidas dos vereadores em relação à contratação dos serviços.
O secretário Rafael destacou que o trabalho está seguindo de forma integrada e fluída entre as equipes. “Estamos tendo uma sintonia muito boa, o processo se alonga um pouco, mas a gente caminha com mais segurança para o futuro da cidade e isso é o mais importante”, concluiu.

Foto: Letícia de Lima/Câmara de Gramado