O Governo do Estado e o Governo Federal publicaram, respectivamente, em seus diários oficiais os decretos reconhecendo a situação de emergência pela estiagem em 44 municípios no Rio Grande do Sul, dentre eles Gramado, onde a perda já ultrapassa R$ 5 milhões e 50% nas produções. No dia 5 de janeiro Gramado decretou Estado de Emergência devido à estiagem, pois a insuficiência das chuvas vem prejudicando o ramo agropecuário em todo o território do município. Segundo a planilha de controle da Defesa Civil do Rio Grande do Sul, a situação de emergência ficará reconhecida por 180 dias. Com isso, Gramado solicitou ao Governo do Estado a liberação de máquinas, recursos humanos e financeiros para garantir o abastecimento das famílias que vivem no interior. Além de levar água potável para o consumo humano e animal, a Secretaria de Agricultura tem auxiliado na irrigação das plantações e abastecimento de açudes.

Crédito: Ascom/PMG